As Receitas do Selminho

Há quem diga que cozinhar é uma arte ou uma obrigação. Mas para mim é um grande prazer, uma forma de descontrair e relaxar.

As Receitas do Selminho

Há quem diga que cozinhar é uma arte ou uma obrigação. Mas para mim é um grande prazer, uma forma de descontrair e relaxar.

As Receitas do Selminho

Há quem diga que cozinhar é uma arte ou uma obrigação. Mas para mim é um grande prazer, uma forma de descontrair e relaxar.

As Receitas do Selminho

Há quem diga que cozinhar é uma arte ou uma obrigação. Mas para mim é um grande prazer, uma forma de descontrair e relaxar.

As Receitas do Selminho

Há quem diga que cozinhar é uma arte ou uma obrigação. Mas para mim é um grande prazer, uma forma de descontrair e relaxar.

domingo, 13 de maio de 2018

Paris brest


Para a massa:

250ml de água (também pode fazer com leite)
150g de farinha (não necessita de fermento)
100g de manteiga
50g de ameando palitada ou laminada
3 ovos tamanho L + 1 ovo para pincelar
1 c. de sopa de açúcar
Uma pitada de sal



Num tacho, coloque a água, a manteiga, o açúcar e o sal, leve ao lume e deixe ferver até a manteiga estar completamente derretida.
Retire o tacho do lume, adicione a farinha de uma só vez e mexa bem até obter uma massa, leve novamente ao lume, sem parar de mexer, até que a massa solte do tacho e forme tipo uma bola.
Retire do lume e deixe arrefecer, para acelerar o processo, coloquei o tacho dentro de um recipiente com água fria e fui mexendo a massa até ficar morna.
Com uma colher ou na batedeira, adicione os ovos um a um, sem parar de bater, até estar tudo bem incorporado e a massa estiver lisa.
Transfira a massa para o saco de pasteleiro e num tabuleiro forrado com papel vegetal, faça dois círculos, um junto ao outro, depois faça outro em cima mas entre os dois anteriores ( não sei se consegui explicar-me).
Pincele com ovo batido polvilhe com amendoa e leve ao lume pré aquecido a 200º, por 30  minutos. Quando estiver douradinho e alto, desligue o forno, abra um pouco a porta e deixe por mais uns 15 minutos para que a massa seque um pouco.
Retire e deixe esfriar.



Para o recheio:

500g de queijo mascarpone
100g de morangos triturados
100g de morangos cortados em cubos ou só a meio
50g de açúcar em pó
Sumo de meio limão 
(adicionei duas gotas de corante vermelho)



Na batedeira, coloque o mascarpone, os morangos triturados, o açúcar, o sumo de limão e bata até ficar bem incorporado, reserve no frigorífico.
Corte a massa a meio, dispor os morangos cortados sobre a metade base, com o saco de pasteleiro e um bico da sua preferência, colocar o o creme por cima e tapar com a outra metade, polvilhe com açúcar em pó e seja feliz.




sábado, 12 de maio de 2018

Duchese


Sabem quando vamos a uma pastelaria e é quase irresistível sair de lá sem comprar aquele doce? 
Ducheses são a minha perdição, assim simples, com chantily e fruta fresca, principalmente se é com ananás ou morangos, depois que aprendi a fazer, começou a festa cá em casa.


Para a massa:

250ml de água (também pode fazer com leite)
150g de farinha (não necessita de fermento)
100g de manteiga
3 ovos tamanho L + 1 ovo para pincelar
1 c. de sopa de açúcar
Uma pitada de sal


Num tacho, coloque a água, a manteiga, o açúcar e o sal, leve ao lume e deixe ferver até a manteiga estar completamente derretida.
Retire o tacho do lume, adicione a farinha de uma só vez e mexa bem até obter uma massa, leve novamente ao lume, sem parar de mexer, até que a massa solte do tacho e forme tipo uma bola.
Retire do lume e deixe arrefecer, para acelerar o processo, coloquei o tacho dentro de um recipiente com água fria e fui mexendo a massa até ficar morna.
Com uma colher ou na batedeira, adicione os ovos um a um, sem parar de bater, até estar tudo bem incorporado e a massa estiver lisa.
Transfira a massa para o saco de pasteleiro e num tabuleiro forrado com papel vegetal, faça linhas com uns 10cm, deixe espaço entre uma e outra porque a massa vai crescer.
Pincele com ovo batido e leve ao lume pré aquecido a 200º, por 30 minutos. Quando estiverem douradinhos e altos, desligue o forno, abra um pouco a porta e deixe por mais uns 15 minutos para que a massa seque um pouco.
Retire e deixe esfriar.


Para o recheio:

400ml de natas frescas
100g de açucar em pó
Fruta fresca (escolhi ananás e morangos)


Bata as natas até ficarem bem firmes, adicione o açúcar, bata mais um pouco e reserve.
Para montar basta cortar os ducheses a meio, dispor a fruta cortada sobre a metade base, com o saco de pasteleiro e um bico da sua preferência, colocar o chantily, tapar com a outra metade e finalizar com mais chantily, fruta e se preferir, com uns fios de ovos.
Depois é só ser feliz :D


sexta-feira, 11 de maio de 2018

Massa choux


Para quem não sabe ou não conhece, a massa choux é utilizada para fazer profiteroles, ducheses, eclairs, entre muitas outras receitas, doces ou salgadas
Confesso que sou perdidamente apaixonado, é rápido de fazer, fácil e fica delicioso.

250ml de água (também pode fazer com leite)
150g de farinha (não necessita de fermento)
100g de manteiga
3 ovos tamanho L + 1 ovo para pincelar
1 c. de sopa de açúcar
Uma pitada de sal

Num tacho, coloque a água, a manteiga, o açúcar e o sal, leve ao lume e deixe ferver até a manteiga estar completamente derretida.
Retire o tacho do lume, adicione a farinha de uma só vez e mexa bem até obter uma massa, leve novamente ao lume, sem parar de mexer, até que a massa solte do tacho e forme tipo uma bola.
Retire do lume e deixe arrefecer, para acelerar o processo, coloquei o tacho dentro de um recipiente com água fria e fui mexendo a massa até ficar morna.
Com uma colher ou na batedeira, adicione os ovos um a um, sem parar de bater, até estar tudo bem incorporado e a massa estiver lisa.
Transfira a massa para o saco de pasteleiro e num tabuleiro forrado com papel vegetal, dê a forma adequada a cada tipo de receita.
Pincele com ovo batido e leve ao lume pré aquecido a 200º, por 30 minutos. Quando estiverem douradinhos e altos, desligue o forno, abra um pouco a porta e deixe por mais uns 15 minutos para que a massa seque um pouco.

quarta-feira, 25 de abril de 2018

Barras de sementes e frutos secos


50g de sementes de linhaça dourada
50g de sementes de linhaça castanha
50g de sementes de girassol 
50g de sementes de abobora
50g de sementes de sésamo
50g de amendoins
50g de amêndoas laminadas
250g de açúcar
2 c. de sopa de água
1 c. de sopa de mel
Sumo de 1/2 limão
1 c. de café de aroma de baunilha



Forre uma forma rectangular ou quadrada, com papel vegetal (também untei com spray desmoldante para garantir que descolava com facilidade) e reserve. 
Numa frigideira, torre as sementes de depois os frutos secos, até que fique ligeiramente dourado.
Num tacho, coloque o açúcar com as 2 c. de sopa de água mais o sumo de 1/2 limão e leve a lume brando até formar um caramelo claro. Depois, acrescente de imediato o aroma de baunilha, o mel, as sementes e os frutos secos, misture até ficar homogéneo (Nesta fase usei uma espátula de silicone, assim não ficou tudo grudado na espátula e foi mais fácil de lavar. 
Verta para dentro da forma e alisar rapidamente com uma colher molhada.
Deixe arrefecer, assim que estiver morno, corte em barras. 
Envolva em papel vegetal e guardar numa lata ou caixa hermética.




Receita inspirada no blogue Coco e baunilha

segunda-feira, 9 de abril de 2018

Pudim de chia


Para não dizerem que faço só coisas boas que engordam, já a pensar no verão e manter a linha, desta vez fiz uma receita light, super saudável e mega deliciosa.
Esta receita deu para 4 doses generosas.


400ml de bebida de soja sabor a baunilha
5 c. de sopa de sementes de chia
1 iogurte natural açúcarado
250g de morangos
1 banana
1 manga
2 c. de sopa de mel


Numa taça, coloque as sementes de chia, a bebida de soja e o mel, mexa com uma colher até estar tudo bem envolvido e reserve no frigorífico, de referencia de um dia para o outro.
Coloque no liquidificador o iogurte, meia banana e 200g de morangos, triture tudo mas de maneira a que fiquem pedacinhos de fruta.
Corte a manga em cubos, os restantes morangos em quatro e reserve.
Distribua o pudim de chia por taças, copos ou frascos, corte a outra metade de banana em rodelas e coloque sobre o pudim, colado ao rebordo, serve também para embelezar o copo. Depois, coloque o preparado que triturou e por fim a manda e os morangos.


sábado, 7 de abril de 2018

Delícia de fogaça


8 folhas de gelatina

500g de fogaça
450ml de natas frescas
200g de queijo mascarpone
300g de chocolate preto
150g de açúcar
80g de avelãs sem pele
1 iogurte natural
2 colheres de sopa de manteiga
1 chávena de café de tomilho-limão
150ml de água
1 pau de canela
Casca de limão
Forre com papel vegetal uma forma com mais ou menos 22cm de diâmetro e reserve.
Num tacho, coloque a água, o pau de canela, a casca de limão e 50g de açúcar, deixe ferver para fazer uma calda.
Corte 250g de fogaça em fatias com mais ou menos 1cm e preencha toda a base da forma, pincele com um pouco da calda e reserve.
Bata 400ml de natas e adicione o açúcar até as natas ficarem bem firmes. Adicione o iogurte natural, o queijo mascarpone e bata mais um pouco.
Demolhe as folhas de gelatina em água fria, assim que estiverem moles, escorra bem e leve ao micro-ondas em temperatura baixa por uns segundos até derreter. Junte ao preparado anterior enquanto bate.
Divida o preparado em duas partes.
Faça uma infusão com o tomilho-limão, pique-o muito bem e junte um pouco de água a ferver.
Misture um pouco da infusão numa das partes e espalhe pela forma.
Corte a restante fogaça em fatias com mais ou menos 1cm e faça outra base em cima do preparado, pincele com mais um pouco da calda e reserve.
Derreta 150g de chocolate com a manteiga em banho-maria. Adicione à outra metade do preparado e bata um pouco.
Pique as avelãs grosseiramente (reserve algumas para a decoração), misture no preparado e espalhe pela forma.
Coloque num tacho, o restante chocolate com as os 50ml de natas até derreter mas sem levantar fervura. Deixe arrefecer e espalhe por cima.
Leve ao frio de um dia para o outro ou até solidificar.
Para decorar, espete um palito em cada avelã.
Faça caramelo com 100g de açúcar e 50ml de água. Deixe arrefecer um pouco e mergulhe as avelãs até sair com um fio.



sexta-feira, 6 de abril de 2018

Creme de batata-doce com leite de coco e croutons de fogaça


1kg de batata-doce1 courgette
1 cebola
2 dentes de alho
100g de alho francês
300ml de leite de coco
150g de fogaça
Azeite q.b.
Sal e pimenta q.b.
Manjericão a gosto

Corte a fogaça em cubos.Numa frigideira, coloque um fio de azeite e aqueça. Junte os cubos de fogaça e salteie, mexa até começarem a alourar e reserve.Descasque e lave a batata-doce, a courgette, a cebola e os alhos.
Numa panela, refogue a cebola e os alhos picados, num fio de azeite. Assim que a cebola ficar translúcida, junte o alho francês e a courgette cortados em pedaços pequenos. Deixe por uns 2 minutos, acrescente a batata-doce cortada em cubos pequenos, cubra com água e adicione o leite de coco.Tempere com sal, pimenta e umas folhas de manjericão, deixe cozinhar cerca de 20 minutos. Retire do lume e triture muito bem com a varinha.
Sirva com um fio de leite de coco, os croutons de fogaça e umas folhas de manjericão.
 


sexta-feira, 30 de março de 2018

Tarte de limão e coco


A Primavera chegou mas veio muito envergonhada, para alegrar estes dias ainda cinzentos e chuvosos, que tal fazer esta tarte tão linda como saborosa.


Ingredientes:

1 base de massa quebrada
3 Limões
400ml de leite de coco
200ml de natas
200g de açúcar
50g de coco ralado
50g de amido de milho
1 c. de sopa de manteiga de coco
1 c. de chá de açafrão
1 pau de canela


Preparação:

Estenda a massa sobre uma tarteira, pique o fundo com um garfo e leve ao forno pré aquecido a 180º até alourar. Retire e reserve.
misture o amido de milho com um pouco de leite de coco e reserve.
Num tacho, coloque todos os ingredientes, incluindo o sumo e as raspas dos limões, e leve a lume médio, quando levantar fervura, adicione a mistura de amido de milho e mexa sem parar até o creme engrossar.
Retire do lume e não se esqueça de tirar o pau de canela, deixe esfriar um pouco, verta sobre a base e leve ao frigorífico até solidificar.
Decore a gosto e seja feliz.




quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Torta de chocolate com creme de morangos


Para a massa:

7 ovos

150g de açúcar
100g de farinha s/ fermento

50g de chocolate em pó


Pré-aqueça o forno a 180ºC.

Forre um tabuleiro de forno rectangular com papel vegetal e reserve.
Bata muito bem os ovos com o açúcar até obter um creme esbranquiçado, fofo e com o triplo do volume inicial.
Peneire a farinha com o chocolate e junte ao preparado anterior, envolvendo cuidadosamente com uma espátula.
Verta a massa no tabuleiro reservado e leve ao forno a cozer durante cerca de 10 minutos.
Depois de sair do forno e ainda morna, vire a torta para cima de um pano polvilhado com açúcar.
Com a ajuda do pano enrole a torta com cuidado para que a massa não abra. Deixe a torta enrolada durante 1-2 minutos para que ganhe forma e depois volte a desenrolar.




Para o recheio:
400g de queijo creme
200ml de natas frescas
150g de morangos triturados + 50g cortados em cubos
100g de açúcar
2 c. de sopa de amido de milho

Dissolva o amido de milho nas natas.
Bata o queijo creme com o açúcar até ficar macio, adicione as natas e bata mais um pouco.
Junte os morangos triturados, misture bem e leve ao lume médio, sem parar de mexer, até ganhar uma consistência que permita barrar.
Assim que ganhar a consistência desejada, retire e deixe esfriar um pouco.
Já com a torta fria, espalhe o recheio sobre ela e alise com uma espátula.

Espelhe os morangos cortados em cubos e volte a enrolar a torta cuidadosamente, usando o pano como auxílio.

Corte as laterais da torta para que fique uniforme e decore a gosto.
Leve ao frio para o recheio ganhar firmeza.


A receita da massa retirei do blog Sweet Gula e o recheio inventei, ainda bem que o fiz porque ficou maravilhoso e quem provou lambeu os dedos.

segunda-feira, 12 de fevereiro de 2018

Bolo de requeijão com tamarilhos caramelizados


Adoro este bolo, fica uma espécie de cheesecake no forno e mais uma vez, foi uma forma diferente que arranjei para gastar os tamarilhos.
Quanto aos tamarilhos caramelizados (receita enviada por uma amiga), era suposto ficarem mais firmes mas o descuido levou com que o açúcar cristalizasse, então tive que arranjar outra alternativa.


Para o bolo:


Ingredientes:
500g de requeijão
150g de açúcar
50g de farinha


50g de amido de milho
7 ovos
1 colher de café de essência de baunilha

1 pitada de sal

Preparação:
Pré aqueça o forno a 175º.
Forre com papel vegetal uma forma de fundo amovível.
Bata o requeijão com o açúcar até ficar em creme, adicione as gemas, uma a uma e bata entre cada adição. 
Peneire a farinha e o amido, junte ao preparado e misture até ficar sem grumos.
Bata as claras em castelo com a pitada de sal e envolva no preparado.
Verta o preparado na forma e leve ao forno por uns 45 minutos.
Retire e deixe arrefecer em cima de uma grelha.


Para os tamarilhos caramelizados:

Ingredientes:
8 tamarilhos
10 colheres de sopa de açúcar
2 colheres de sopa de água
1 colher de sobremesa de Vaqueiro Especial para Bolos

Preparação:
Escalde os tamarilhos durante 30 segundos em água a ferver e retire-lhes a pele. Deixe arrefecer e corte-os ao meio no sentido do comprimento. Coloque-os com a secção cortada voltada para cima num recipiente que possa ir ao forno. 
Leve ao lume o açúcar a derreter com a água e a margarina Vaqueiro e deixe ferver um pouco até começar a alourar. Deite o açúcar sobre os tamarilhos e leve a gratinar no grelhador do forno durante cerca de 5 minutos.



segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Cheesecake de abacate e limão



Para a base:

200g de bolachas com pepitas de chocolate
100g de manteiga de coco


Para o recheio:
400g de queijo ricotta
200ml de leite

150g de queijo mascarpone
160g de açúcar

100ml de natas
50g de farinha

3 ovos
2 abacate

Raspas e sumo de 1 limão
Uma pitada de sal


Para decoração:
100ml de natas frescas
50g de açúcar


Preparação:
Comece pela base, derreta a manteiga no microondas e em potência baixa, triture as bolachas e adicione à manteiga mexendo com uma colher.
Com papel vegetal, forre uma forma com 22cm. Transfira a mistura para a forma e com a ajuda de uma colher, espalhe e pressiona para que fique uma base uniforme, reserve no frigorífico.
Corte os abacates ao meio, (gire as duas metades na direção oposta, abra e retire o caroço)  com uma colher, retire toda a polpa e esmague com um garfo até ficar cremoso. Adicione a ricotta, o mascarpone, e bata na batedeira, junte as natas, o leite, o açúcar, bata mais um pouco. Adicione os ovos, um de cada vez, a pitada de sal, o sumo e as raspas de limão, bata mais um pouco até que a mistura ficar homogénea. por fim junte a farinha peneirada e envolva com a ajuda de uma vara de arames.
Verta o preparado sobre a base e leve ao forno pré-aquecido a 170º durante 1 hora. Retire, deixe esfriar e leve ao frigorifico de um dia para o outro ou por umas 5 horas.
Desenforme o cheesecake. Bata as natas com o açúcar até ficarem bem firmes e decore a gosto.


domingo, 21 de janeiro de 2018

Cheesecake japonês


Ingredientes:
250g de queijo creme
6 ovos grandes
140g de açúcar em pó
60g de manteiga amolecida
100ml de leite
60g de farinha com fermento
20g de amido de milho (maizena)
1 limão
1/2 colher de café de tremor tártaro (ou uma colher de sopa de sumo de limão)

Uma pitada de sal


Preparação:
Ligar o forno nos 180º. 
Unte uma forma com 22cm de diâmetro com manteiga. Forre o fundo e as paredes com papel vegetal. Reserve.
Coloque a manteiga e o queijo creme num recipiente de vidro em banho-maria. Bata até obter um creme homogéneo.
Adicione as gemas, metade do açúcar e o leite e bata bem.
Adicione o sal, a raspa da casca de limão, misture e retire do fogo.
Adicione a farinha e a maizena, previamente peneiradas. Misture bem.
À parte, bata as claras juntamente com o tremor tártaro. Assim que começarem a ficar firmes, adicione o açúcar restante e bata até obter um merengue brilhante.
Adicione as claras à mistura de gemas e queijo, envolvendo cuidadosamente.
Verta a massa na forma e leve ao forno num tabuleiro em banho-maria durante cerca de 20 minutos. Reduza a temperatura do forno para os 160º e deixe por mais 15 minutos. Faça o teste do palito. 
Depois de cozido, desligue o forno e deixe o cheesecake lá dentro durante meia hora. Passada esta meia hora, abra a porta do forno e deixe arrefecer completamente.
Desenforme depois de completamente frio e decore com frutos e açúcar em pó.


Esta receita foi retirada do blog Faz e Come, embora tenha feito algumas alterações.


domingo, 7 de janeiro de 2018

Broas doces de abóbora e frutos secos


Abóbora cozida com uma casca de laranja (guardar um pouco da água da cozedura) 650 g

Farinha de trigo 750 g
Farinha de milho branca 250 g
Fermento de padeiro 25 g
Açúcar 250 g
Sal q.b.
Canela 1 colher de café
Erva-doce moída 1 colher de chá
Passas 150 g (corintos ou sultanas)
Pinhões 75 g
Nozes picadas grosseiramente 125 g



Misturam-se as farinhas e escaldam-se com a abóbora acabada de cozer, mexe-se bem com uma colher de pau.

Dissolve-se o fermento de padeiro num pouco da água da cozedura da abóbora, que deve estar morna, adiciona-se à mistura das farinhas e trabalha-se bem.
Junta-se o açúcar, a canela e a erva-doce e trabalha-se a massa até fazer bolhas. Tapa-se com um pano e abafa-se para levedar num local morno e sem correntes de ar.
Quando a massa tiver dobrado de volume juntam-se os frutos secos, misturam-se bem na massa e com as mãos enfarinhadas tendem-se pequenas broas redondas que vão ao forno bem quente em tabuleiros untados e bem polvilhados de farinha.


Receita retirada da página Sapolifestyle, fiz algumas alterações nos frutos secos, só utilizei farinha de trigo e aumentei um pouco na quantidade da farinha.
Diz quem provou: "queremos mais".