quinta-feira, 1 de maio de 2014

Broa de milho


Já estava desde o ano passado para fazer broa de milho, ainda não tinha feito porque tinha receio, não surgiu um motivo que encorajasse.
E eis que o motivo chegou, impulsionado pelo grupo "Dia Um... Na Cozinha!", com o tema deste mês o Pão, lá me enchi de coragem e meti a mão na massa.
Inicialmente ia adicionar salpicão, depois troquei de ideia e já tinha decidido que ia fazer com sementes, por fim no meio do nervosismo acabei por esquecer das sementes, fiquei um pouco triste mas passou rápido, assim que comecei a sentir aquele cheirinho a broa quente, o aspecto estava a ficar como previsto e depois de provar uma fatia com manteiga, confesso que tudo parou.
Foi uma boa experiência que vou repetir muitas mais vezes, fez recordar a infância e as broas que a minha querida avó fazia naquele forno de pedra, com chouriços e morcelas pendurados, belos e bons tempos.
Por isso dedico esta broa aos meus avós, principalmente a minha avó Micas.

500g de farinha de milho amarelo
500g de farinha de trigo
150g de farinha de centeio escura
50g de açúcar
25g de sal
25g de manteiga
50g de fermento de padeiro
700ml de água

Peneire as três farinhas.
Ponha 600ml de água ao lume até ferver, a seguir escalde a farinha de milho, mexa com uma colher de pau e deixe arrefecer um pouco, até suportar a temperatura da massa para que possa amassar com as mãos, forme uma bola e reserve.
Coloque a restante água (deve estar morna) numa bacia, junte o sal, o açúcar, a manteiga e dissolva o fermento.
Junte a bola de massa de milho e vá adicionando a farinha de trigo e de centeio, amasse tudo muito bem.
Faça umas bolas com a massa e com a ajuda de uma tigela polvilhada de farinha, dê a forma desejada às broas, coloque num tabuleiro com papel vegetal e deixe levedar durante 30 minutos (para levedar eu ligo o forno, abro a porta do mesmo e deixo o tabuleiro pousado em frente).
Passado esse tempo, leve ao forno a 220º durante mais ou menos 45 minutos.



Reacções:

17 comentários:

  1. Que maravilha, Anselmo! Adoro broa de milho e a tua ficou com um aspecto fabuloso!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Nunca fiz broa mas vou ter que fazer pois é a segunda que vejo e deixa-me muito tentada
    Ficaram lindas
    bjs

    ResponderEliminar
  3. Que maravilha....nunca fiz broa mas estou com uma grande vontade de fazer pois vejo as tuas tão lindas.
    BJS

    ResponderEliminar
  4. Que bonita broa, já provava uma fatia

    ResponderEliminar
  5. Adoro broa de milho, vou levar a receita para testar
    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  6. Essa crosta está perfeita!
    Adoro broa de milho!
    Beijinho

    Sílvia
    http://bocadinhosdeacucar.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Olá Anselmo!
    Posso juntar-me a esse grupinho onde estás tu, a broa e a manteiga?! É que tenho a certeza que me iria deliciar ao provar a tua broa. E admiro a tua coragem, pois eu, a primeira vez que fiz uma broa, correu tão mal que acabou num pão de milho. Mas delicioso e também se comeu. Ficaram lindas as broas. Gostei.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  8. Gosto bastante de broa, e estas ficaram lindas!
    Bjs

    ResponderEliminar
  9. Que cor maravilhosa Selmo... :) Adoro uma broa quetinha com a bela da manteiga.. :)
    beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  10. Adoro broa de milho! Então ainda quentinha e com aquela manteiga fantástica a derreter...nhamiiii :) As tuas broas ficaram fantásticas Anselmo, com uma crosta mesmo apelativa :) E dedicada aos avós (também tenho uma avó Micas :P ) e com recordações de infância à mistura, acredito que tenha ficado, e te tenha sabido, mil vezes melhor ;)
    Beijos *
    Vânia
    P.S: Não te esqueças que, até segunda-feira, ainda podes participar no nosso desafio. Passa lá pelo blog, neste link, para veres todas as regras, adorava contar com a tua participação :)
    http://coisasecoisinhasdecomerechorarpormais.blogspot.pt/2014/05/ha-vida-para-alem-da-massa-de-atum-5.html

    ResponderEliminar
  11. vou levando a receita, ficaram lindas as broas. Parabéns!

    ResponderEliminar
  12. Olá!
    Adorei esta receita, por momentos fui transportada novamente à minha infância, a casa da minha avó. Ela ainda hoje prepara a broa de milho. Ainda me lembro de ir moer a farinha, peneirar, ir a casa da vizinha buscar o fermento. De acender o forno, e amassar o pão na maceira de madeira! E depois comer o pão a escaldar, acabadinho de sair do forno!

    Obrigada!

    http://aromasdecor.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. Já somos 2...também fiz uma broa...hummm a tua tem bom aspecto

    ResponderEliminar
  14. Adoro uma broa de milho, sem dúvida dos meus pães preferidos.
    Bjs

    ResponderEliminar
  15. São tão boas essas recordações de infância :) Adoro broa de milho.

    Beijinhos,
    Raquel
    http://amor-as-camadas.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita, pelo comentario e pelo carinho, são receitas simples mas feitas com gosto, espero que goste ;-)